Por que é importante fazer seguro para objetos de luxo?


 

Você provavelmente já conhece o seguro de carro, moto ou casa. Porém, você que existe e como funciona o seguro para objetos de luxo? Voltado para um mercado segmentado, essa possibilidade é cada vez mais procurada devido às suas vantagens.

Por proteger bens de maior valor, essa apólice tem características específicas, que só são encontradas nessa modalidade. A possibilidade é especialmente importante para quem tem objetos daquele tipo.

Esse é o seu caso? Veja a seguir por que deveria fazer um seguro assim e entenda como ele funciona:

Como funciona o seguro para objetos de luxo?

O seguro dos objetos de luxo funciona de maneira semelhante às apólices tradicionais. Mediante o pagamento do prêmio do seguro e de acordo com condições especificadas pela cobertura, o cliente tem direito ao valor contratado em caso de sinistro.

A grande diferença é que, por envolver números maiores, esse processo é feito de maneira mais personalizada. Uma seguradora de itens de luxo tende a criar apólices com condições e coberturas exclusivas para cada cliente, de acordo com as suas necessidades.

Além disso, quando acontece o sinistro, a empresa designa pessoas muito preparadas que agem de maneira consultiva. O principal objetivo é tornar o processo mais simples e assertivo, além de mais benéfico.

Funciona, portanto, como uma evolução dos tradicionais, que têm menos cobertura e menos condições específicas.

Para quais objetos ele pode ser aplicado?

Dentro do mercado de luxo, há diversas possibilidades de objetos e bens que podem ficar devidamente protegidos. Entre os mais comuns estão imóveis e automóveis de luxo, motos acima de 500 cilindradas, embarcações, aeronaves particulares, joias, obras de arte e assim por diante.

Também podem entrar nesta apólice itens raros de colecionador, objetos pessoais de alto preço etc. Cada seguradora tem suas próprias regras e limites, mas, em geral, as possibilidades são bem abrangentes.

Como a seguradora calcula o valor?

Para definir o valor do prêmio e do contrato em si, a seguradora realiza uma avaliação feita por especialistas. No caso de obras de arte, por exemplo, uma equipe plenamente capacitada faz a avaliação do preço de mercado da peça e atesta sua autenticidade.

No caso de joias é a mesma coisa: um profissional especializado verifica a veracidade dos elementos preciosos e estabelece um número. Peritos imobiliários são chamados para a avaliação de imóveis, etc.

O prêmio é um percentual do que foi avaliado. Como o custo desses bens é maior, a porcentagem é menor, ficando entre 0,5 e 2%, na maior parte das vezes.

Além disso, são consideradas as condições de segurança de cada bem. Os especialistas podem propor ações de diminuição dos riscos, como reforço de segurança sobre a peça a ser contratada. Quanto menores forem os riscos de sinistro, menor é o prêmio.

Essa ação consultiva, entretanto, não tem a ver apenas com a apólice em si, mas, também, com a satisfação de quem busca esse nível de proteção.

Definido isso, são estabelecidas as coberturas. Além de questões tradicionais — como enchente, terremoto, maremoto e furto —, é possível definir vários outros pontos. Mesmo o dano causado por um funcionário, por exemplo, pode ser coberto, o que vai ajudar a determinar o que será cobrado.

Qual é a importância de fazer esse seguro?

Fazer uma apólice deste tipo é uma ação de prevenção que pode trazer benefícios e evitar muitas dores de cabeça no futuro. Ao buscar uma empresa especializada e com equipe plenamente capacitada, é possível aproveitar ao máximo essa decisão. No geral, fazer esse seguro é importante pelos seguintes motivos:

Aumenta a segurança

A questão mais óbvia tem a ver com a segurança. Ao colocar os itens mais valiosos sob proteção, é possível garantir que o valor será reembolsado, dentro de um limite e segundo as condições previstas.

No caso de joias ou obras de artes, por exemplo, o dano ou a subtração dos itens poderá ser devidamente reparado com o acionamento do seguro. Estando tudo dentro das condições da apólice, há o recebimento do valor de mercado das peças, evitando prejuízos maiores.

Além disso, a própria seguradora tende a oferecer serviços gratuitos, como a oferta de segurança extra sem custos adicionais.

Mantém intacto o patrimônio

Bens de luxo fazem parte do patrimônio. Protegê-los, portanto, significa proteger o dinheiro de quem tem a sua posse. Porém, nem sempre é efetivo apenas controlar o acesso a uma obra de arte ou deixar a joia trancada em um cofre.

Imprevistos acontecem e não podem ser evitados. Sem as devidas medidas, o patrimônio pode ficar comprometido antes que seja possível tomar alguma atitude.

A proteção trazida para objetos de luxo garante, justamente, a integridade do patrimônio de uma forma geral. Assim, é possível garantir que, dentro das condições específicas, não haverá perda de dinheiro.

Preserva a integridade dos bens

Também se trata de uma forma de preservar a integridade dos bens. No caso da residência sofrer algum tipo de avaria, a empresa designará especialistas no tema para que tudo possa ser consertado de modo a manter as características originais.

Já no caso de veículos, há a preocupação em buscar locais capazes de realizar o conserto adequado de qualquer que seja o meio de transporte. Um carro, por exemplo, pode ser consertado adequadamente ou substituído por uma opção da concessionária de preferência do segurado.

Tem flexibilidade

Como objetos de luxo têm necessidades muito específicas, fazer essa apólice é garantia de obter flexibilidade. Sendo a seguradora de qualidade e confiança, o resultado é que todo o documento será elaborado de acordo com os critérios mais importantes para cada cliente.

Isso impede que um determinado bem fique sem a cobertura mais importante para o seu caso. Também é com essa apólice que são levadas em conta muitas condições que, normalmente, são excluídas das opções mais tradicionais.

Dependendo do caso, é possível contratar coberturas especiais para situações específicas. Quem vai expor suas obras de arte, por exemplo, poderá contar com a seguradora para garantir que todo o processo aconteça da maneira adequada.

Por melhor que seja ter um seguro para objetos de luxo, fazer a seleção incorreta coloca tudo a perder. Por isso, veja também quais as consequências de ter o seguro errado e saiba como evitá-las!


Sobre Hygons Hypolito

"O maior beneficio dos seguros é dar tranquilidade para que as pessoas possam sonhar, ousar e realizar com a certeza de que os riscos de viver e trabalhar estão protegidos." Sou empreendedor, corretor de seguros, empresário, curioso, eterno aprendiz, viciado em tecnologia.

Sua opinião é o meu combustível!